Meu dia em Sorrento

Informações Práticas:

Hospedagem: Hotel La Meridiana – Via Bernardino Rota 1 – 80067 Sorrento. No post Minhas hospedagens na Itália, comentei sobre todos os hotéis que fiquei no país, com informações e dicas.

Quanto gastei no dia? 118,45 Euros (34,50 Euros com a diária do Hotel – diária de 69 Euros, dividida por dois viajantes; 35,50 Euros com as passagens de trem compradas antecipadamente Roma/Nápoles/Pompéia/Sorrento; 11 Euros com as atrações turísticas; 37,45 Euros na cidade, com refeições, lembranças, etc)

Nota turística (de 0 a 10): 10! Sorrento é uma delícia 😉

Para saber sobre a cidade, veja o meu post: Informações e atrações de Sorrento

Se alguém escrevesse sobre a minha viagem pela Itália, no momento em que conheci Sorrento, o escritor narraria: “E o turista, ao vislumbrar aquele exuberante e paradisíaco cenário, se apaixonou por Sorrento…”. Um grande romance! Agradeci mentalmente por diversas vezes pela escolha da cidade como base para conhecer a Costa Amalfitana. Suas ruas, repletas de lojinhas e penduricalhos, são encantadoras. A estrutura da cidade é incrível e, a cada passo, a paixão aumentava.

sorrento 5

O hotel – www.lameridianasorrento.com – atendeu a todos os requisitos: limpo, próximo ao centro, quarto aconchegante, funcionários prestativos e o café (composto de queijos, presunto, pães, leite, chocolate quente… uma delícia) estava incluso na diária. Todos os dias que fiquei hospedado no local, eu despertava com um cheiro delicioso de croissant com nutella saindo do forno, um dos responsáveis pelos meus quilos adquiridos durante a viagem. Na lista desses responsáveis, posso incluir a fabulosa, indescritível, delirante e estupenda (todos os adjetivos para mostrar o meu amor pela iguaria) torta Caprese e o licor Limoncello, ambos provados durante a minha estadia em Sorrento.

sorrento 4

Apesar da cidade possuir atrações turísticas, preferi caminhar sem destino específico pelas ruas e, principalmente, nas margens dos rochedos observando o mar. Para descer à Marina Piccola, faixa de terra que beira o penhasco, há um elevador – www.sorrentolift.it – que liga os dois pontos. No site está o mapa da localização e, por apenas um euro, você economiza um bom fôlego. Uma dica: desça a escadaria, que começa na Villa Comunale, a pé para apreciar a vista e depois volte de elevador.

Sorrento 2

A Piazza Tasso é o centro de Sorrento. Nela, se encontram diversos restaurantes e lojas e está sempre lotada de turistas. Aproveite para visitar algumas lojas que vendem o Limoncello, um licor produzido com o limão típico da região. Vários restaurantes oferecem, geralmente gratuitamente, o licor no final da refeição como digestivo. Não resisti e comprei várias garrafinhas para amigos que apreciam uma bebida forte. Aliás, foi em Sorrento que comprei quase todas as lembranças de viagem para amigos e familiares. Os preços estavam muito convidativos e os produtos possuem toda as características italianas.

sorrento 3

Com a chegada da noite, as luzes da cidade começaram a acender, a deixando ainda mais charmosa. Para fugir do tumulto ocasionado pelos turistas, encontrei um restaurante no final de uma pequena rua, coberto de plantas flores. Uma salada, com um prato de massa generoso e uma taça de vinho saiu por dezesseis euros… Um preço justo por toda a emoção transmitida pelo local.

Sorrento 1

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s