Meu dia em Arezzo

Informações Práticas:

Hospedagem: Locanda di Firenze – Via Faenza 12, San Lorenzo, 50123 Florença. No post Minhas hospedagens na Itália, comentei sobre todos os hotéis que fiquei no país, com informações e dicas.

Quanto gastei no dia? 73,60 Euros (24,50 Euros com a diária do Hotel – diária de 49 Euros, dividida por dois viajantes; 18,20 Euros com passagens de trem – Firenze/Arezzo/Cortona; 4 Euros – táxi; 26,90 Euros na cidade, com refeições, lembranças, etc)

Nota turística (de 0 a 10): 8 😉

Para saber sobre a cidade, veja o meu post: Informações e atrações de Arezzo

O roteiro do dia incluía duas cidades que foram cenários de filmes muito conhecidos: Arezzo (A Vida é Bela) e Cortona (Sob o sol da Toscana). Mais uma vez evitei as grandes filas para comprar tickets na estação Santa Maria Novella. Chegando, fui direto à tabacaria comprar o bilhete para viagens de curta distância. Meu destino: Arezzo! Sobrevivente dos bombardeios da Segunda Guerra Mundial, a cidade mantém com orgulho o seu centro histórico em tons amarelados. Importante pólo militar romano, ela alcançou o patamar entre as doze cidades etruscas mais importantes da Itália. Atualmente, é uma respeitada produtora de vinhos Chianti na região.

Ao sair da estação, um cheiro me fez flutuar pelas ruelas. O aroma era proveniente de uma pequena pasticceria. Ao entrar, encontrei a atendente retirando do forno uma forma com alguns croissants de nutella. O meu café da manhã foi farto, mas não resisti e pedi logo dois croissants e um café para acompanhar. Admito: ao terminar o segundo, pedi mais um! É por esses motivos que deixo a culpa por esbanjar na gastronomia, com a consequência de alguns quilos a mais na balança, guardada no Brasil!

Arezzo 3

É comum as pequenas cidades ficarem vazias aos domingos. Com Arezzo não foi diferente. Sem multidão, consegui chegar ao Duomo da cidade e assisti o final da missa dominical. A cerimônia foi simples, com italianas idosas – e seus véus rendados na cabeça – como ávidas espectadoras. Ao sair da catedral, acompanhei os habitantes até chegar a Piazza Grande, onde está o Palazzo della Fratenitá dei Laici e a Igreja Santa Maria della Pieve.

Arezzo 2

Pela sua história de grande dedicação à religião, a Itália abriga uma imensa quantidade de igrejas e todas possuem algo muito interessante para observar. É o caso da Igreja de San Francesco que guarda um dos mais grandiosos ciclos de afrescos da arte italiana: a Lenda da Cruz Verdadeira. Pintados entre 1452 e 1456, o artista Piero della Francesco relatou, em dez episódios, a história da morte de Jesus Cristo na cruz.

Após finalizar o circuito turístico, aproveitei para apreciar as janelas repletas de flores, entrar nos pequenos empórios com produtos locais (os queijos, vinhos e pães são deliciosos) e comprar lembranças da cidade. Sem pressa, filas ou turistas. Durante toda a minha viagem pela Itália, foi a única vez que consegui aproveitar uma cidade sem o barulho intenso das pessoas. Todos que viajam sabem que isso não tem preço!

Arezzo 1

As conservadas torres medievais de Arezzo.

Para informações e atrações de Arezzo, clique aqui!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s